Policiais

Jovem ? preso por venda ilegal de anabolizantes em Catol? do Rocha

Publicado dia 19/09/2017 às 15h44min | Atualizado dia 19/09/2017 às 15h46min
Jovem ? preso por venda ilegal de anabolizantes em Catol? do Rocha

 

 

 

 

 

       

       Policiais da 18.ª Delegacia Seccional de Policia Civil da Paraíba prenderam em flagrante, na tarde desta segunda-feira (18), Lucas Alves Soares de 21 anos, por comercializar, ilegalmente, medicamentos anabolizantes.

 A ação se deu em uma academia no município de Catolé do Rocha, Sertão Paraibano. No momento da prisão, Lucas estava efetuando mais uma venda. Ele havia pedido que um dos alunos da academia entregasse uma caixa lacrada a um “amigo” que estava aguardando a encomenda em um posto de combustível da cidade.  

O jovem que estava pilotando uma motocicleta foi interceptado pelos policiais civis, e ao ser indagado sobre o que estava transportando, o mesmo respondeu que não sabia e que estava apenas fazendo um favor para Lucas, instrutor da academia onde malhava, o que foi confirmado pelo acusado no momento da prisão. O jovem foi liberado, pois não foi constatada a sua participação.

 Ao abrir a caixa, foram encontrados vários produtos anabolizantes comprimidos e injetáveis, além de seringas. Os investigadores foram até a residência de Lucas, onde apreenderam também, várias receitas médicas em branco, carimbadas e assinadas, além de algumas já preenchidas e, em seguida, o conduziram até a Delegacia de Polícia.

 

 A polícia chegou ao suspeito através de denúncias anônimas. A investigação durou cerca de um mês e o suspeito foi indiciado pelo crime contra a saúde pública, tipificado no artigo 273 do código penal, com pena que varia de 10 a 15 anos de prisão”. O acusado foi encaminhado ao Presídio Padrão de Catolé do Rocha.

No total, foram apreendidas 04 (quatro) seringas descartáveis, 02 (duas) caixas de Stanozoland depot de 50 mg/ml, 01 (uma) caixa de Decanoato de nandrolona de 200 mg/ml, 01 (uma) caixa de Enantato de testosterona de 250 mg/ml e 01 (uma) caixa de Metandrosterona landerlan de 10 mg. 

Grande parte dos anabolizantes é vendida em academias e entra no Brasil de maneira ilícita. O uso indiscriminado e sem controle médico dessas substâncias tem gerado problemas graves de saúde, como insuficiência hepática, câncer, infertilidade, impotência sexual, doenças cardiovasculares, inclusive podendo levar a morte.

 

Fonte: bbcnoticiaspb